Home

Carlos Arthur Nuzman Está “Surpreso” Com Escândalo No Vôlei.

março 13, 2014

Ví agora no website da ESPN Brasil a entrevista que Carlos Nuzman deu sobre os escândalos no vôlei, esporte que comandou por vinte anos. Ele se diz “surpreso” com as denúncias de corrupção na CBV, devidamente comprovadas pelo competente Jornalista Lúcio de Castro. Estar “surpreso” virou jurisprudência no Brasil e desculpa largamente utilizada quando um líder vê seus subordinados pilhados em falcatruas, ou atos de incompetência. Fernando Henrique Cardoso ficou “muito surpreso” quando foi anunciado à nação que o Brasil deveria racionar energia e que estava na iminência de um apagão generalizado. Lula também “surpreendeu-se” com o mensalão. Nuzman está igualmente “surpreso” com os pagamentos de comissões indevidas feitas na CBV, com dinheiro público, a pessoas intimamente ligadas a Ary Graça e ao grupo de sustentação política do próprio Nuzman. Ora, que gente ingrata! Como podem fazer isso com nosso Pajé Olímpico que, na sua santa ingenuidade, sempre pensou que a “Confederação Modelo” andasse às mil maravilhas?

Ary Graça, Pina, Laranjeira e todos que lá estão são, ainda, os mesmo da era Nuzman. Na CBV continuam porque Nuzman assim deseja. Não há, portanto, como afastar essas figuras que estão indissociavelmente vinculadas.

Mas prestem atenção nas respostas que Nuzman deu hoje na entrevista coletiva. São todas desconexas, de quem não quer entrar no assunto, fugindo do ponto central, sem emitir qualquer tipo de opinião contundente sobre os fatos que, para qualquer pessoa de bom senso, são inaceitáveis. Como presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, para ter credibilidade, Nuzman deveria ter defendido com clareza o imediato afastamento de Ary Graça da FIBV e da cúpula da CBV de seus postos, enquanto não se conclua uma forte investigação. E essa investigação deve ser feita pelo Governo Federal, Ministério do Esporte, Banco do Brasil, Corregedoria Geral da União, Ministério Público Federal, Polícia Federal e Congresso Nacional. Mas Nuzman teve medo de dizer isso. Nuzman mais uma vez apequenou-se na crise e mostrou que não tem estatura para ocupar os cargos em que está. O presidente do Comitê Olímpico Brasileiro deveria enviar ofício a todos os órgãos que mencionei solicitando abertura imediata de inquéritos. Isso daria credibilidade ao órgão e à sua equipe.

Mas sabem o que vai ocorrer? Tenham certeza de que o lobby olímpico vai agir fortemente para abafar este escândalo. Nesta hora, em Brasília, os lobistas a serviço do esporte olímpico já estão atuando fortemente para engavetar esse escândalo, esperar o tempo passar, deixar aparecer outro escândalo que acoberte este e, assim como tantas outras coisas no Brasil, fazer com que as propinas do vôlei caiam no esquecimento. Afinal, quantos escândalos no Brasil dão em rigorosamente nada? Os lobistas olímpicos dirão que remexer nessas coisas agora abalará a reputação internacional do País Olímpico.

O Brasil é, efetivamente, um País engavetador de escândalos. Mas vamos ver se as instituições brasileiras vão funcionar desta vez. Ou se a cartolagem olímpica conseguirá transformar essa ventania em mera brisa passageira.

Anúncios

One Response to “Carlos Arthur Nuzman Está “Surpreso” Com Escândalo No Vôlei.”

  1. profjeanmagno Says:

    Republicou isso em Blog do Prof. Jean Magno.

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: