Home

A Entrevista de Luiz Lima à Veja

julho 28, 2017

O nadador olímpico e ex-Secretário Nacional de Esporte de Alto Rendimento, Luiz Lima, deu excelente entrevista à Rafael Valesi, da Veja, que Você pode ler aqui http://veja.abril.com.br/complemento/entrevista/luiz-lima.html

Luiz Lima foi mais um excelente quadro que passou por essa Secretaria, que já abrigou nomes com a excelência de Lars Grael e Paula. Todos nomes de primeira grandeza do esporte nacional, que fizeram boas gestões. Ocorre que, ao final, por sobre eles acaba prevalecendo a “política viciada”, tão bem detalhada por Luiz Lima em sua entrevista.

As Pastas ministeriais não deveriam ser objeto de barganhas políticas. Pode talvez ser utópico, mas cada qual deveria ser entregue a técnicos conhecedores das matérias que estivessem sob suas jurisdições. Não é isso que vê. É fácil identificar políticos profissionais que parecem experts em tudo, geniais, que ora estão no Esporte, depois passam pela Casa Civil, de lá para a Defesa, esquentam a cadeira da Ciência e Tecnologia e assim por diante. Ao mesmo tempo em que querem fazer crer que entendem de tudo, a realizada é que não são especialistas em nada. São políticos, apenas, que se alimentam desses cargos que, malogradamente, ocupam. Tampouco adianta esses políticos ministros cercarem-se de competentes técnicos se estes não puderem agir livremente e por em prática as suas boas ideias. Os técnicos servem, na maioria das vezes, para servir de escudo aos ministros políticos. Os ministros políticos usam os nomes dos competentes técnicos para lhes dar um pouco de estofo. Mas os mantêm de mãos atadas,  sob estrita vigilância, para que não ousem sair do círculo vicioso da velha política. Percebam que bons quadros, de reconhecida boa reputação pública, raramente ficam por muito tempo em qualquer governo.

E esse foi, mais uma vez, o caso do competente Luiz Lima à frente da Secretaria Nacional de Esporte de Alto Rendimento. Quis inovar, oxigenar, modificar as estruturas velhacas do esporte, sempre em prol dos atletas e o que lhe sobrou foram intimidações de cartolas sem escrúpulo, pressões negativas daqueles que há tantos anos se servem do esporte. Na hora em que precisou do apoio político do Ministro da Pasta para levar adiante as suas ideias, não o teve. Parabéns Luiz Lima. E que siga transformando a sociedade por meio de suas ações esportivas e educacionais que há tanto tempo pratica.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: