Home

Nuzman Pediu Mais Dinheiro Público.

abril 15, 2017

Nuzman costuma definir-se como “jovem e dinâmico advogado carioca, que revolucionou o marekting esportivo”. Dinâmico nunca foi. Jovem há muito não é. No marketing esportivo, sempre mamou nas tetas do dinheiro público. Nuzman administrou o Co-Rio 2016 de maneira absolutamente desastrada e fez acumular dívidas milionárias. Agora não tem como pagá-las. Pois não teve pejo em ir ao Presidente Michel Temer e pedir R$ 150 Milhões de recursos públicos, a fundo perdido, para tapar os buracos financeiros que criou. Vejam notícia da coluna Radar, da revista Veja. Ou seja, Nuzman foi pedir que o povo brasileiro pague por suas bobagens.

O Co-Rio 2016 tem a natureza jurídica de uma sociedade limitada empresária, portanto, com a finalidade de lucro. Aliás, esse é o argumento que o pajé olímpico utiliza para dizer que não tem que prestar contas aos outros, seja no COB (sem fins econômicos, seja no Co-Rio 2016). Nuzman administrou mal a empresa e esta não tem patrimônio para saldar suas dívidas, pode, dadas as circunstâncias, responder com seus bens pessoais. Imagine Você, leitor, com problemas financeiros em sua empresa, ir ao Presidente da República pedir que o governo pague as suas contas. A situação é a idêntica. Seria uma desfaçatez se o Estado brasileiro pagasse com dinheiro do povo as estrepulias financeiras do Co-Rio 2016.

Nuzman, que pariu Mateus, que o embale.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: