Home

Governo Federal Assume Parque Olímpico

dezembro 23, 2016

O governo federal assumirá a administração do Parque Olímpico do Rio. Mesmo antes dos Jogos, para os bons observadores, parecia óbvio quer a Prefeitura Municipal não teria condições econômicas, nem técnicas, de cuidar do Parque Olímpico. Este Blog advertiu, assim como outros atentos observadores, por várias vezes, que o risco daquelas instalações virar uma manada de “elefantes brancos” era enorme.  A Prefeitura até que tentou privatizar a administração do local, mas não houve interessados. Também parecia evidente que, em época de crise econômica, aparecesse alguma empresa interessada no assunto. Assim, a conta foi para as costas do governo federal pagar, ou seja, para o cidadão brasileiro. Assim como nos Jogos Panamericanos de 2.007, a conta também foi para o governo federal.

O Comitê Olímpico do Brasil e o Comitê Organizador (este em condições financeiras dificílimas), claro, lavou as mãos, como se não tivesse nada com a história.

Agora é esperar que o Ministério do Esporte faça bom uso daquele local, que crie o utilize para fins educacionais e esportivos, que sirva para competições de alto rendimento, mas, também e sobretudo, para massificar o esporte. Que as instalações estejam à disposições das escolas públicas, dos jovens, dos adultos e dos idosos, com professores de educação física aptos a exercer seu ofício para quem desejar ter acesso à saudável prática esportiva. Já visitei vários complexos olímpicos em diversas cidades que abrigaram Jogos Olímpicos. Ví excelentes exemplos de como essas instalações podem estar à disposição da população e não, exclusivamente, destinadas ao alto rendimento. É possível e recomendável fazer um calendário de atividades que contemple a utilização do Parque Olímpico para educação, lazer, esporte para todos e alto rendimento. Que a utilização daquele espaço não tenha sua finalidade desviada, ou seja, que não vire mais uma casa de shows. Que esteja, sempre, a serviço do esporte e da educação.

Em tempo, gostei da iniciativa da construção do muro dos campões, em que estão inscritos os nomes de todos os medalhistas Olímpicos de 2.016.

Anúncios

3 Responses to “Governo Federal Assume Parque Olímpico”

  1. Vicente Alves Says:

    Saudações. Este internauta defende que a criação da Agência Nacional do Esporte, para a homologação e fiscalização de títulos a serem emitidos em Bolsa de Valores (mercado de capotais) por entidades do desporto, ligas profissionais, atletas, redes de mídia, federações, confederações, outros, não conflita com o disposto no artigo 217 da CF, na medida em que se tutela e fiscaliza a criação, operação e liquidação de tais títulos ligados ao desporto. O grande problema da falta de investimentos privados na formação de atletas de alto rendimento, no Brasil, é a falta de fiscalização na operação de títulos em Bolsa de Valores. A Agência Nacional do Esporte justamente preencheria esta lacuna, absorvendo a maioria das entidades públicas análogas, extinguindo-as , economizando, inclusive, recursos públicos. Seria uma espécie de órgão fiscalizador, tutelando o investimento privado no desporto brasileiro. Pela criação da ANE. Feliz 2017 a todos.

  2. Vicente Alves Says:

    Saudações. Justamente na criação (formatação), homologação , fiscalização e operação de um título do desporto, demandará a existência de órgão público específico, a Agência Nacional do Esporte. A crescente gestão de mídia digital, principalmente das redes de mídia, demandarão tal formatação. Quem emitir títulos em Bolsa de Valores (mercado de capitais) , simplesmente terá que admitir administração profissional e transparente, pela elementar lei de mercado : a liquidez do título. A profissionalização neste ambiente de alto investimento privado nacional e internacional no setor do desporto brasileiro, será pré-requisito, por imposição do mercado.

  3. Vicente Alves Says:

    Saudações. Justamente a profissionalização e despolitização das agências reguladoras poderá ser fundamental para a atração de investimentos internacionais ao país. O setor do desporto não poderia ser diferente. Cabe ao eleitor , eleitora, cidadão e cidadã exigir a despolitização de tais agências. Pela criação da Agência Nacional do Esporte.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: