Home

Os Bem Remunerados Advogados do Co-Rio 2.016

fevereiro 19, 2016

http://espn.uol.com.br/post/578557_escritorio-de-advogado-com-quem-nuzman-pularia-do-precipicio-recebe-r-188-mi-da-rio-2016?utm_content=buffer90b5c&utm_medium=social&utm_source=facebook.com&utm_campaign=buffer

Em mais uma excelente matéria publicada no portal da ESPN Brasil, a jornalista Gabriela Moreira descortinou quanto ganham os advogados contratados pelo Co-Rio 2.016.

Vejam o link acima.

Os valores são exorbitantes. Muito acima do mercado. Muito mesmo. Além disso, esses advogados são contratados sem licitação. O Co-Rio certamente irá dizer que “trata-se de dinheiro dos patrocinadores, portanto, privado”. Não interessa de onde venham os recursos, as regras de governança corporativa devem ser sempre observadas. Será que patrocinadores privados gostam que seu dinheiro seja investido sem regras claras de transparência? Não afirmo que os escritórios de advocacia contratados não têm competência para realizar bons serviços. O fato é que existem no Rio de Janeiro muitos outros escritórios que também são  aptos a prestar os mesmos serviços e, tenho certeza, por preços compatíveis com o mercado.

Os princípios da boa fé, da transparência, da isonomia, impõem que aqueles exercem cargos de alta visibilidade pública, devem governar de acordo com as mais rígidas normas de governança corporativa. Vejam que o escritório bem mais remunerado da lista (recebe cerca de R$ 18 milhões) tem como sócio, conforme atestado pelo próprio presidente do Co-Rio 2.016, um de seus mais íntimos amigos. E que esse escritório se presta não somente a atender demandas do Co-Rio 2.016, mas trata de questões pessoais do mandatário que inclui, mas não se limita,  a processar jornalistas (as ações contra jornalistas são fadadas ao insucesso, como se vê, porque nada mais são do que tentativa de impor censura).

Ássim, os patrocinadores do Co-Rio 2.016 deveriam auditar a entidade para verificar se o dinheiro que lá colocam é bem administrado, se os prestadores de serviços são contratados com isonomia e pagos a preços de mercado, além, claro, de prestar bons serviços.

Parabéns, Gabriela Moreira, por mais essa matéria. A da semana passada, de que o Co-Rio paga segurança privada ao presidente e a sua família também foi muito elucidativa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: