Home

Nuzman E Seus Milhões!

junho 25, 2014

O trêmulo presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, para tentar melhorar sua imagem junto ao governo, ao Congresso Nacional e à opinião pública, insiste em escrever que na sua longa gestão que já dura vinte anos conquistou sessenta e nove medalhas olímpicas, fazendo uma comparação safada com períodos anteriores ao seu. É evidente que isso é mais uma jogada de marketing de desses muitos assessores que ele contrata sem licitação pública e paga com dinheiro público, oriundo da Lei Piva.

A assessoria de imprensa do Nuzman é perfeita em contar mentiras dizendo verdades. Esse artifício ardil essa patota usou, entre outras vezes, quando Nuzman compulsoriamente deve que deixar o COI por completar setenta anos, em 2.012. Os serviçais e borra botas de imprensa do COB disseram que “Nuzman fora apontado pelo presidente Jacques Rogge como membro vitalício e honorário do COI” e ponto final. Essa é uma previsão estatutária que se aplica indistintamente a todo e qualquer membro do COI que tenha atingido setenta anos e servido à entidade por pelo menos dez anos, após o ano 2.000. Os pseudo jornalistas de Nuzman quiseram fazer parecer que se tratava de uma honraria especial conferida ao Nuzman treme-treme. Mentira!

A mesma coisa essa gente faz com a contagem de medalhas. Nuzman e sua gente conta a história da forma como lhes convém. Não são transparentes. O Comitê Olímpico Brasileiro nunca teve tanto dinheiro público jorrando em seus cofres como nos últimos vinte anos. É muito dinheiro mesmo, que sai do bolso do consumidor e que vai para a conta bancária olímpica, isso sem contar o dinheiro das estatais que patrocinam as Confederações. O que Carlos Arthur Nuzman esconde do governo, do Congresso Nacional, da mídia e do povo é que em Atlanta 96, cada uma de suas medalhas custou R$ 4,4 milhões de Reais aos cofres públicos. Já em Londres 2.012, em que o Brasil teve desempenho pior que em Atlanta 96, cada medalha do Brasil custou a bagatela de R$ 123 milhões de dinheiro do povo. Ou seja, Nuzman a cada ciclo olímpico vai consumindo dinheiro público em progressão geométrica para entregar, comparativamente, menos medalhas. Isso significa que Nuzman é incompetente no trato e na gestão do dinheiro público, pois quanto mais recebe, não consegue evoluir esportivamente na mesma medida.

Nuzman tem uma personalidade insegura. Tem a necessidade de aparecer ser mais do que é. É muito preocupado com aquilo que os outros vão pensar dele. E ao mesmo tempo que é muito inseguro, tem uma vaidade enorme. Tudo isso faz dele uma pessoa complexa, muitas vezes indelicado com seus funcionários, o que se agrava em face do momento particular que está passando.

Nuzman se lixa para o esporte de base, estudantil, popular e essa política de canalizar todos os esforços e recursos para o altíssimo rendimento estão matando o futuro do esporte brasileiro. A base está completamente desasistida.

Nuzman não é a pessoa certa para o COB e a esperança é que ele não chegue a 2.016 nas funções que ocupa.

Atente, leitor, que Nuzman gera muito mal o seu dinheiro público. Não se esqueça: em Londres 2.012 cada medalha olímpica custou R$ 123 milhões do seu bolso. Pelo dinheiro que o COB recebeu, era obrigação ter feito não apenas melhor, mas mil vezes melhor.

Anúncios

3 Responses to “Nuzman E Seus Milhões!”

  1. profjeanmagno Says:

    Caro Alberto, tenho sido um leitor assíduo do seu blog. E como tal, gostaria de dizer que não achei legal de uma pessoa como você, que defende o esporte e a ética esportiva, o espírito do olimpismo, tratar o presidente do COB com adjetivos como “treme treme”, por exemplo, em clara referência ao problema de saúde por que passa Nuzman. É no mínimo indelicado! Assim como você, tenho severas restrições a forma como esse senhor comanda o esporte olímpico brasileiro, mas desqualifica-lo em razão da sua doença acho demais. Espero que entenda minhas palavras, e saiba que continuidade sendo um leitor assíduo do seu blog. Boa noite


  2. Prezado Professor, obrigado por sua mensagem. Nuzman sabe muito bem porque uso essas expressões. Um abraço.

  3. Daiany da Costa Nóbrega Says:

    Tem matéria sobre tal atualizada??


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: