Home

O Descredenciamento do Ladetec É Outra Vergonha do Olimpismo do Brasil.

agosto 30, 2013

Enquanto o Brasil se prepara para receber os Jogos Olímpicos de 2.016 as notícias que surgem são sempre as piores possíveis. Justamente o contrário do que se poderia esperar de um País que sediará o maior evento esportivo mundial. A mais recente vergonha internacional a que nos submeteram a cartolagem e os políticos do Ministério do Esporte foi o descredenciamento pela WADA (Agência Mundial Antidoping) do laboratório Ladetec, o único no Brasil que tinha autorização para realizar, em caráter oficial, exames de controle de doping.

Quem acompanha sabe que o Ladetec já vinha aos trancos e barrancos, trabalhando em condições muito precárias. Recentemente, o Ladetec recebeu um aporte significativo de dinheiro público, cujo objetivo seria melhorá-lo, de forma a atender as exigências do Comitê Olímpico Internacional e da WADA. Ao contrário, o que vemos é a derrocada total do Ladetec, com o seu descredenciamento, após ter cometido erros considerados inadmissíveis pela WADA. Aonde foi parara o dinheiro público destinado ao Ladetec? Como foi utilizado? O Ministério do Esporte deveria investigar como cada tostão foi gasto e tornar isso público à sociedade.

Mas o Ministério do Esporte e o Comitê Olímpico Brasileiro não estão preocupados em criar uma estrutura esportiva sólida no Brasil, na base, com políticas públicas de massificação esportiva definindo o papel de cada entidade. Ter um laboratório de primeira qualidade para controles antidopagem também faz parte dessa política esportiva. Não é crível que o País que sediará os próximos Jogos Olímpicos não tem um único laboratório capaz de realizar um único mísero exame de controle de doping. É palhaçada, desfaçatez olímpica, zombaria com a cara de todos os brasileiros, ainda mais se consideramos o volume de dinheiro público despejado recentemente para recuperar o Ladetec.

Aldo Rebelo parece ter entrado em transe. Não deve nem saber o que é Ladetec. Parece que virou fiscal de obras. Eelogia a beleza dos estádios, enquanto milhões de brasileiros não têm acesso ao esporte. Não trata o esporte como uma questão de saúde pública. Teve a coragem, para surpresa de todos, de publicamente comparar a construção do elefante branco do estádio de Manaus com a do teatro do Amazonas. Chega a dar pena do Ministro Rebelo que não me parece corrupto, mas apenas bobo.

Que a sociedade cobre das autoridades prestação de contas do dinheiro público investido no laboratório Ladetec. Realmente, o seu descredenciamento é mais uma vergonha internacional pela qual passa o Olimpismo do Brasil. Basta acompanhar o que dizem os jornalistas especializados no exterior.

Anúncios

One Response to “O Descredenciamento do Ladetec É Outra Vergonha do Olimpismo do Brasil.”

  1. CBDG Says:

    O último relatório do COI disse claramente que os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro CORREM RISCO. O COB e o Co-Rio insistem em dizer que está tudo bem… Sete de Setembro vai mostrar mais uma vez que as coisas não estão nada boas.

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: