Home

A Intervenção do Comitê Olímpico Brasileiro Na Vela É Maléfica Para A Modalidade.

setembro 12, 2012

Há muito eu critico a intervenção do Comitê Olímpico Brasileiro (“COB”) na Confederação Brasileira de Vela e Motor. Acho uma violência jurídica, oportunista, opressiva, que impede que a própria comunidade desse esporte ache as soluções para suas questões. Intervenção sem data para acabar, como já noticiou a imprensa, é golpe.

Outro dia recebi de um amigo uma observação muito pertinente sobre os resultados olímpicos da Vela. Esse esporte, de tanta gente boa e com tanta tradição no país, está em franca decadência em nível olímpico.

Seguindo esse critério de medalhas de ouro, a Vela do Brasil em Atenas, 2.004, obteve o segundo lugar, ganhando duas medalhas douradas.

Em Pequim, 2.008, vimos a Vela brasileira ganhar uma prata e um bronze, colocando-se em décimo lugar entre as
nações que competiram naquele certame olímpico.

Em Londres, 2.012, a Vela do Brasil ganhou uma única medalha de bronze, com os fenomenais Robert Scheidt e Bruno Prada. Isso inseriu nosso país na décima segunda posição na modalidade.

Coincidentemente, foi em 2.007 que o COB tomou de assalto a Confederação Brasileira de Vela e Motor. De lá para cá o declínio olímpico desse esporte no Brasil é incontestável.

Uma administração que permite que o festejado atleta Torben Grael renuncie às suas ambições olímpicas por falta de dinheiro para sua preparação, não é séria.

Está na hora dessa gente do COB deixar que a comunidade da Vela, democraticamente, ache seus novos caminhos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: