Home

É Nuzman No Tapa. E Que Se Lixe A Opinião Pública.

fevereiro 2, 2012

Nuzman está tentando a sua reeleição no tapa. Se conseguir, para o infortúnio do Brasil, será resultado de uma série de fatores.

Em primeiro lugar a truculência eleitoral no nosso Pajé Olímpico. O Pajé não hesita em repetir o que já foi feito em 2.004 e 2.008. Publica os editais de convocação eleitoral em jornais de circulação reduzidíssima e faz a assembléia no subsolo de um hotel na Barra.

Outro fator importantíssimo caso se tenha que engolir o Nuzman por mais quatro anos é o estatuto do Comitê Olímpico Brasileiro, feito em um alfaiate de confiança, à imagem e semelhança de seu dono. O estatuto do Comitê é um escárnio jurídico. Um deboche à democracia, de tal sorte que somente pode ser candidato a presidente e vice quem estiver em um dos poderes do COB por, pelo menos, cinco anos. Ou seja, só pode ser candidato alguém da situação que eleito com Nuzman, já terá ficado com ele por dois mandatos (pois cada um é de quatro anos). Isso
mesmo, leitor. É mais fácil Você ser candidato a Presidente da República, enquanto é impossível sê-lo do Comitê Olímpico do seu próprio país. Ainda que seja Você que pague as contas desse Comitê.

Outro fator preponderante é a desorganização da oposição. Há muito Nuzman não goza da unanimidade dos membros da Assembléia Geral. Se eles sabem o modo Nuzman de conduzir uma eleição, deveriam estar suficientemente preparados para combatê-lo. Nuzman tem uma característica muito própria. Quando enfrentado, contestado, recua, perde o rebolado. E é isso que a oposição já deveria ter feito. Claro que no meio disso tudo sempre aparece um papagaio falante, feito Gesta
de Melo, disposto a repetir tudo que seu mestre mandar. Nem que seja para reunir em um mesmo pronunciamento um colegiado de asneiras e estultices.

Nuzman, tenham certeza, não está se sentindo bem. Discutir a sua reeleição com a oposição é considerado em sua escala um rebaixamento sem tamanho. Nuzman teve que mostrar aos eleitores uma carta do Comitê Internacional Olímpico, para convencê-los de que pode continuar multi presidente. Ao gosto de Nuzman, ele não teria feito nada disso. Teria,
apenas, enfiado-se goela abaixo dos eleitores.

Agora, um fator muito relevante é a covardia de alguns presidentes de Confederações. Em conversas privadas, muitos deles esculhambam o Nuzman. Só que na hora de por a cara a tapa, apequenam-se, esquivam-se, enfiam a cabeça no buraco mais próximo. Concordo que as reações de Nuzman a focos de oposição não são nada democráticas. Ele pode, com uma simples canetada, defenestrar o presidente da Confederação, promovendo uma intervenção no esporte. Ele e Mas e daí? Isso não é motivo para não enfrentar Nuzman. Além de gente competente, precisamos de presidentes corajosos.

De qualquer forma, somente em primeiro de abril encerrar-se-á o prazo para a inscrição das chapas candidatas ao Comitê. A nota que Nuzman soltou ontem à imprensa bem pode ser uma armadilha. Ao divulgar a nota, Nuzman pode estar tentando jogar uma pedra no assunto, como se ele estivesse resolvido. E aí não se fala mais nisso.

Só que o assunto não está resolvido. Que as Confederações mirem-se no exemplo do Diogo Silva.

Anúncios

One Response to “É Nuzman No Tapa. E Que Se Lixe A Opinião Pública.”


  1. caçiquismo eleitoral
    repasse de verba
    inexistencia de sistema esportivo

    CPI neles!!!!!!!!!!!!

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: