Atletas De Alto Rendimento Deveriam Guardar Comprimidos E Recipientes.

Todo atleta de alto rendimento deveria guardar o recipiente em que o suplemento foi embalado e uns três ou cada comprimidos de cada frasco. Ao fazer isso, aumentam substancialmente as chances de provar a alegação de doping cruzado. De posse desse material, o atleta tem o recipente, as informações do lote de fabricação do suplemento e algumas pílulas que vieram naquele lote. Se há contaminação cruzada, o atleta pode pedir em sua defesa uma perícia nesse material. Se esses elementos não existem, praticamente impossível fazer a prova.

O único caso que tenho notícia de contaminação cruzada em que a atleta obteve êxito nos Tribunais Esportivos foi no de uma colombiana que tinha guardado consigo o frasco do suplemento e alguns comprimidos que vieram dentro dele. Fez-se uma investigação detalhada no lote de fabricação daqueles comprimidos e a perícia comprovou que, de fato, todo o lote havia sido contaminado no laboratório. Pode ser que haja outros casos. Eu desconheço. Se alguém souber de algum caso em que atletas flagrados com furosemida (ou qualquer outro tipo de substância) e que tenhma (ou não) alegado doping cruzado tenham sido absolvidos, por favor, informe, neste espaço. Será de grande valia.

Anúncios
Categorias olimpismo

8 comentários em “Atletas De Alto Rendimento Deveriam Guardar Comprimidos E Recipientes.

  1. Sr. Alberto, como foi o processo que envolveu o ciclista Alberto Contador ? Ele deu positivo para, salvo engano, Clenbuterol, e explicou que o doping foi ocasionado ela ingestão de alguns “bifes” que estariam contaminados…
    Bem, ele está disputando o Tour de France. Como está esse caso ?

    Curtir

  2. Caro Luiz, não conheço detalhes do processo do Alberto Contador. Sei que o cliclismo, para algumas substâncias, têm níveis de tolerância maior do que as demais modalidades. Ou seja, no ciclismo, algumas drogas podem ser encontradas na urina dos atletas em níveis superiores aos dos demais esportes.

    Curtir

  3. Caro Dr. Alberto, existe um caso recente, também no ciclismo, do português Rui Costa (que inclusive ganhou a etapa do Tour de France de ontem, 09/07/2011). Ele e seu irmão (Mario) foram pegos e ele alegaram (e comprovaram) contaminhação de suplementos com a substancia metillhexanamina. A WADA acabou julgando favoravelmente a eles.

    Curtir

  4. Obrigado pelo comentário e pela informação importante. Abraços. Alberto.

    Curtir

  5. Luiz, verifiquei o caso do Alberto Contador. O processo dele ainda não foi julgado pelo CAS. Por isso, os resultados dele poderão ser anulados se ele for suspenso. Abraços e obrigado. Alberto.

    Curtir

  6. Alberto,

    é lamentável! O que esse menino fez!?!? Porquê tanta ganância!?!?

    Curtir

  7. Esse blog do senhor deve ser um grande sucesso, visto a enorme quantidade de comentários e acessos.
    Acredito que se o senhor fosse presidente do comitê olímpico brasileiro ou de alguma federação, tenho certeza que o Brasil seria uma grande potência olímpica.
    Parabéns por todas as matérias, digo, criticas, que o senhor a todos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close