Segue a Briga Carlos Arthur Nuzman Vs. Alberto Murray Neto. “O Homem Que Aviltou Jesus Cristo”.

Primeiro leiam a pérola abaixo. E guardem o nome do promotor estadual de Justiça do Rio de Janeiro: Alexandre Murilo Graça.

“MP denuncia homem que aviltou imagem do Cristo

O  Ministério  Público do Estado do Rio de Janeiro ofereceu denúncia contra
Alberto  Murray  Neto  pela divulgação na internet de imagens da estátua do Cristo  Redentor  trajando colete à prova de balas, segurando um fuzil e um revólver. Para  o  Promotor  de  Justiça  Alexandre  Murilo  Graça,  da 1ª Central de Inquéritos,  ao  postar  a  imagem, o denunciado “escarneceu publicamente e vilipendiou  objeto  de  culto  religioso”,  o  que é crime de ação pública previsto no artigo 208 do Código Penal, com pena de detenção de um mês a um ano ou multa. De  acordo  com  a denúncia, inconformado com a campanha e a candidatura da cidade  do  Rio  de Janeiro para sediar os Jogos Olímpicos de 2016, Alberto Murray  Neto  criou  em 2008 um blog na internet no qual apresenta diversas considerações  negativas  contra  o  Comitê  Olímpico  Brasileiro  e vários dirigentes do esporte nacional. Em  15  de  abril  deste  ano, o denunciado foi além ao postar, por e-mail, imagem do Cristo Redentor com colete à prova de balas e empunhando um fuzil e  um revólver. “Ocorre que entre todas as imagens que identificam a cidade do  Rio  de Janeiro, o denunciado escolheu, em clara ofensa às instituições religiosas  e  às  pessoas  que  professam  esta  fé, a do Cristo Redentor, símbolo  religioso  das  igrejas  cristãs  que  retrata o amor e o perdão”, afirmou o Promotor.

                            Assessoria de Comunicação Social”
                                       
www.mp.rj.gov.br

Leram? Pois bem, isso não é texto do Casseta e Planeta. Nem do Stanislaw Ponte Preta.  É um press release feito pelo promotor estadual doutor Graça, no qual ele se regojiza por ter denunciado “o homem que aviltou a imagem de Cristo”. Esse homem sou eu. Ainda bem que não vivemos no Islã, pois estaria condenado à morte. Ainda bem aqui a pena é um curto período de detenção, ou multa. Mais fácil de encarar.

Não há limites para as escorregadas do Nuzman. Quanto mais palanque ele me dá, mais ele se afunda. Mais antipatia angaria. Mais razão me confere. Mais eco dá às minhas palavras de moralização do esporte olímpico nacional. Mais apoio recebo. Se voltarem alguns posts atrás, verão que Nuzman e seu Comitê ajuizaram pedido de instauração de inquérito policial, (sempre) no Rio de Janeiro, para tirar meu Blog do ar por julgá-lo uma ameaça às pretensões da Cidade em sediar os Jogos Olímpicos de 2.016. Enquanto colocou meus escritos em um patamar de força em que nunca pensei que pudesse atingir,  Nuzman enrolou-se mais ainda. Desceram, de novo, o cacete nele. Basta ver o que foi publicado na época. Dentre os documentos que o Nuzman juntou no pedido de instauração de inquérito, estava uma charge publicada na internet e que circulou por milhões de pessoas – e por mim também, a qual repassei, da estátua de Jesus Cristo trajando um colete a prova de balas, segurando um fuzil nas mãos. Não havendo outra razão para que o Ministério Público requeresse a denúncia, não restou ao religioso promotor doutor Graça fazê-la por entender que eu feri os princípios da fé daquele sofrido povo. Embora não tenha sido eu o chargista que, através de sua arte, apenas retratou o mundo de violência urbana que assola a Cidade do Rio de Janeiro, não deixo de sentir-me lisonjeado. O aviltado promotor doutor Graça fez rememorar os tempos tristes da ditadura, em que os “macacos de plantão”, a serviço de seus senhores, processavam o Henfil, o Jaguar, o Millor e muita gente boa do Pasquim por julgar seus desenhos crime contra a honra nacional. Em pleno Governo Lula, mais de vinte anos após o fim da ditadura, o denunciado sou eu, por um indignado promotor que se sentiu ultrajado em razão da charge transmitida por meio eletrônico que eu não criei. No século 21, em plena democracia, ainda há gente que fica feliz por servir aos seus senhores, como ocorria no período pós 64. O mesmo promotor  doutor Graça também parece ter ficado chateado com o fato de eu “apresentar considerações negativas contra o Comitê Olímpico Brasileiro e vários dirigentes desportivos nacionais.”  Não entendi aí o que promotor quis dizer e o que isso tem a ver com sua denúncia. Confundiu Jesus com Genésio? Ou quis atrelar a figura de Deus ao Czar olímpico? Talvez seja por preocupar-se com questões dessa natureza, como essa que invadiu a vida sacra do promotor Graça, que o Rio de Janeiro está cada vez pior, com mais criminalidade, menos cidadania e, claro, sem condição alguma de sediar o evento olímpico. Ele deveria ter com o que mais se preocupar.
A verdade é que Nuzman e os dois Comitês que preside (COB e Co-Rio Pan 2.007) são réus em vários processos nos TCU, acusados de super faturamento no uso das verbas públicas do Pan Americano. O Comitê Olímpico Brasileiro e o Ministério do Esporte são objetos de investigação, à partir de um Inquérito Civil instaurado, a meu pedido, pelo Ministério Público Federal, cuja Portaria leva o número 117/2009. O Comitê de Nuzman foi chamado de corrupto (estou apenas repetindo as palavras) pelo Senador Álvaro Dias e pelo Deputado Miro Teixeira. Eu tenho isso gravado. Nuzman é bombardeado por todos os órgãos de imprensa do Brasil, pelos mais variados motivos. Tenho devidamente catalogada cada uma dessas denúncias. Há denúncias de todos tipo. Nuzman tem um receio paranóico que eu tome o lugar dele. Nuzman receia que todas essas denúncias cheguem ao Comitê Internacional Olímpico e, além de naufragar com suas sucessivas candidaturas olímpicas, ser defenestrado daquela entidade. Nuzman não gosta quando eu informo aos Membros do Comitê Internacional Olímpíco as verdades que se passam no nosso esporte olímpico. Nuzman não teve coragem de enfrentar-me no Senado Federal, em um debate democrático. Nuzman prefere censurar os que lhe são contra, nem que para isso faça papel de bobo, a convidá- los a discutir a fundo as questões do esporte nacional. Nuzman pisca freneticamente, sacode a cabeça, torce o pescoço, intensifica o ritmo de sua série de tiques nervosos quando lê nos jornais as matérias que lhe são contrárias. Nuzman não tem grandeza democrática para ocupar a posição em que está. Ele processa Jornalistas. Ele é a antítese daquilo que se pode ter de bom para o esporte nacional. Ele não liga para a base, para o social. É um elitista. Se o Czar pensa que vai intimidar-me, ele se engana, mais uma vez.
Aoconspíscuo doutor promotor da Graça, embora tenha ficado tocado com sua franca e inabalável fé cristã, estou, com todo respeito, pensando em realmente processá-lo, civil e criminalmente. O texto de seu press release, calunioso, causa dano moral à minha imagem. Além disso, deverei protocolar pedido de investigação na Corregedoria de sua Organização, pela qual tenho muito respeito e que tem ajudado, em vários momento, a acabar com a roubalheira neste País.
Categorias olimpismo

16 comentários em “Segue a Briga Carlos Arthur Nuzman Vs. Alberto Murray Neto. “O Homem Que Aviltou Jesus Cristo”.

  1. Acho que o caso deve ser colocado naquela prateleira de casos ridículos, e deixar empoeirar! Eta povo ignorante!

    Curtir

  2. Bom dia,

    Primeiramente gostaria de parabenizá-lo por sua iniciativa.

    Peço desculpas por usar esse espaço para tratar de uma postagem sua relativamente antiga.

    Em 27/05/09 você postou uma texte dizend sobre o jogo Modern Warfare 2… Entendi e concordei com o tom sarcástico…

    No entanto as informações não são verdadeiras. Eis alguns pontos:

    – A produtora do jogo é a Infinity Award e não a Microsoft
    – O X360 é um console de vídeo-game e não o jogo em si
    – O Jogo se chama Modern Warfare

    Mais informações sobre esse jogo você achará nos links do Modern Warfare e Modern Warfare 2: http://jogos.uol.com.br/playstation3/fichas/index-c.jhtm

    Reitero minha posição de apoio à inicitiva, desejo-lhe sorte e coloco-me à disposição para ajudar no que conseguir!

    Abraço!

    Curtir

  3. Nilton Brandão agosto 6, 2009 — 8:22 am

    Alberto, primeiramente gostaria de parabenizá-lo pelo blog, que eu não conhecia e tomei conhecimento através do “Blog do Juca”. Fantásticas suas colocações a respeito do esporte olímpico e do seu “dono”, ou “Czar” como você chama.
    O promotorzinho quer apenas holofotes, quem sabe visando uma cadeira parlamentar nas eleições que se aproximam.
    Continue, por favor, com seu trabalho em favor da verdade e da justiça (coisa que o promotorzinho deveria fazer, por profissão, né ?).
    Um grande abraço do seu mais novo admirador.
    Nilton Brandão
    Santos / SP / Brasil

    Curtir

  4. Cara, confesso que é a primeira vez que estou lendo teu blog, mas digo, tem todo o meu apoio.
    É impressionante como o MP denúncia uma um desrespeito a um símbolo cristão (Uma charge na verdade) e deixa impune os nossos amigos de colarinho branco.
    Enquanto tu ta sendo denunciado, ai no Rio o Garotinho ta pensando em se candidatar à governador, e o Teixeira vai ficar ate 2014 embolsando dinheiro do torcedor brasileiro e internacional…
    é mole.
    Fica aqui minha indginação.
    Abraço

    Curtir

  5. Calma gente… ele só que garantir o lugar na próxima edição do Febeapá…

    Curtir

  6. Luiz Alberto Freitas agosto 6, 2009 — 9:21 am

    Estes gestores estão enrolando seus pescosos e em breve beberam de seus próprios venenos.
    Muitos presidentes de confederação também estão no barco, apoiando as falcaturas e apredendo com eles a não terem licitações e gastar o dinheiro público, como bem entenderem.
    Veremos o futuro do esporte olímpico!!

    Curtir

  7. Ana Claudia Sarto agosto 6, 2009 — 9:33 am

    Alberto Parabéns! A batalha é árdua mas você não deve mesmo deixar de lutar pelos nossos atletas. Tem todo o meu apoio!

    Curtir

  8. Sou católica,já havia recebido essa charge por e-mail e em nenhum momento me senti ofendida. O que verdadeiramente ofende minha fé cristã é ver a cidade do Rio de Janeiro vilipendiada por bandidos, estes entendidos como não só como aqueles que roubam com armas em punho como também aqueles que estão nos mais altos escalões.

    Curtir

  9. Censura meu amigo…

    Muito me adimira um funcionário público de suma importância, um promotor de justiça se dar ao trabalho de sequer intentar uma ação dessa natureza. Cadê a liberdade de expressão? se for assim biquinis com a imagem do Cristo, Cristo com a camisa do Flamengo, do São Paulo também deveriam ser proibidos…
    Essa ação já nasce nati-morta não desanime e fique feliz por ter desmascarado esse esquema sujo, infelizmente só demonstrou por essa reação do ministério público que as coisas são sórdidas no que envolve a livre manifestação no Rio de Janeiro.

    Curtir

  10. em tempo: admira

    Curtir

  11. Censura meu amigo…

    Muito me admira um funcionário público de suma importância, um promotor de justiça se dar ao trabalho de sequer intentar uma ação dessa natureza. Cadê a liberdade de expressão? se for assim biquinis com a imagem do Cristo, Cristo com a camisa do Flamengo, do São Paulo também deveriam ser proibidos…
    Essa ação já nasce nati-morta não desanime e fique feliz por ter desmascarado esse esquema sujo, infelizmente só demonstrou por essa reação do ministério público que as coisas são sórdidas no que envolve a livre manifestação no Rio de Janeiro.

    Curtir

  12. Será que o Promotor é mais um que está na lista de pagamento, etá Brasil podre.

    Curtir

  13. Este promotor é um completo estúpido, mais um desses ignorantes que se levam a sério, deveria perder o tempo em denunciar traficante e político corrupto, que é o que assola a “Cidade Maravilhosa”. Imbecis como este só inferiorizam o nível de debate na sociedade. Se Jesus estivesse por aqui, seria louco de ir ao Rio. Se bem que se Jesus andava, de fato, sobre as águas, poderia ter alguma artimanha para evitar bala perdida. . Abraços, Eduardo

    Curtir

  14. Isso aí é tudo “amigo de primeira hora” do Nuzmann, os mesmos que fecharam os olhos para a ebrrações cometidas em nome do Pan, o presdiente do COB deve estar muito desesperado para tirar esse blog do ar, pois em breve a candidatura brasileira vai afundar de vez, o escandalo do doping dos atletas brasilerios repercutiu muito mal lá fora, e só vai piorar, se for comprovado que o dinheiro das doações está sendo usado para comprar votos dos delegados do COI isso pdoerá resultar até mesmo na expulsão do Brasil do comitê olímpico.
    Aí será a hora de pegar todas essas pessoas emvolvidas e fazê-las devolver cada centavo que roubaram dos cofres públicos.

    Curtir

  15. Hermenengildo, O idiota agosto 6, 2009 — 10:31 pm

    Os causídicos que me socorra m com o jurisdiquês e com o português, mas salvo engano, denunciar, o promotor pode faze-lo a seu bel prazer eis que é o dono da ação penal, mas dai que a denúncia seja aceita é uma passo largo.

    Tomara que a denúncia seja rejeitada pelo juiz e que em sede de recurso seja igualmente rechaçada para que este membro do parquet cara de pau vá arrumar uma trouxa de roupa do colarinho branco para lavar….

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close