Folha De São Paulo De Hoje.

COI “esquece” Rio e afaga Chicago

Presidente de comitê diz que em 10 anos América do Sul e África terão chance de ser sede de Jogos

Jacques Rogge nega que discussão entre entidade e EUA por novos valores de contratos possa prejudicar candidata americana a 2016

DA REPORTAGEM LOCAL

Em um mesmo evento, ontem, na Nova Zelândia, Jacques Rogge, presidente do Comitê Olímpico Internacional, ignorou a candidatura do Rio aos Jogos de 2016 e negou conflito com o Usoc (Comitê Olímpico dos EUA) que poderia prejudicar o projeto de Chicago.
Rogge afirmou, em Wellington, que um dos objetivos do COI é levar os Jogos América do Sul e África, onde eles nunca foram disputados. “Estou convencido de que, com o tempo, a médio prazo, creio que em uma década, [as regiões] terão a possibilidade [de sediar os Jogos].”
Apesar da frase dúbia, que adiaria as pretensões brasileiras para 2020, Rogge lembrou, em seguida, que “o Rio de Janeiro já é candidato para 2016”.
A cidade disputa a sede com Tóquio, Madri e Chicago. A decisão será tomada em outubro, em Copenhague (Dinamarca).
Questionado se a frase traria má repercussão ao país, o comitê brasileiro disse que o COI “mostrou confiança na capacidade de o Rio de Janeiro realizar os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016 ao escolher a cidade como uma das candidatas à sede, em junho de 2008”.
Rogge também negou ontem que as discussões entre COI e Usoc (Comitê Olímpico dos EUA) sobre contratos comerciais e de TV tenham respingado na candidatura de Chicago, abraçada por Barack Obama.
O COI queria renegociar os acordos atuais, que dão ao Usoc 12,5% dos direitos de TV nos EUA e 20% dos contratos comerciais firmados pelo comitê internacional. Uma rodada de negociações ocorreu na semana passada, entre as partes, em Denver, durante a SportAccord, convenção de esporte.
Porém, sem haver acerto, o debate será retomado a partir de 2013, e os novos valores valerão a partir de 2020.
“Temos bons acordos, obtidos com senso de verdadeira parceria”, esquivou-se Rogge.
O presidente do COI teve a chance de ver ontem a apresentação de Carlos Roberto Osório, secretário-geral do comitê Rio-2016, sobre o projeto brasileiro, durante a Assembleia Geral dos Comitês Olímpicos da Oceania, na Nova Zelândia.
Hoje, o presidente Lula participa no Qatar de cúpula dos países árabes e sul-americanos. Leonardo Gryner, diretor de marketing da candidatura do Rio, viajou com a comitiva.
Na quinta, o mandatário brasileiro participa de encontro do G20 (grupo das 20 maiores economias do mundo), em Londres. Carlos Arthur Nuzman, presidente do comitê brasileiro, estará na Inglaterra.
No Quênia, Agberto Guimarães, diretor de esportes do COB, divulgará o projeto na Conferência da ONU sobre desenvolvimento urbano.

Categorias olimpismo

Um comentário em “Folha De São Paulo De Hoje.

  1. Nada de novidade! Essa intensão já era prevista.
    Agora vamos ver o discurso do Ministro Tapioca e Arthur, qual será a disculpa por ter torrado 100 milhões do contribuinte brasileiro nesta porcaria ao invés de ter proporcionado melhores condições de vida e treinamento para os nossos atletas ou os nosso herois.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close