Carta do IDEC ao Comitê Olímpico Brasileiro

 

 

 

 

Vejam abaixo a carta que o IDEC enviou ao Comitê Olímpico Brasileiro, cujos termos são auto-explicativos. Não sabemos se houve resposta do Comitê.

São Paulo, 08 de agosto de 2008

Ao Sr.

Carlos Arthur Nuzman

Presidente

COB – Comitê Olímpico Brasileiro

Assunto:

 

Campanha “Play Fair”

Prezado Senhor,

O Idec – Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, entidade civil sem finns

lucrativos, legalmente constituída em 1987, inscrita no CNPJ sob n°

58.120.387/0001-08, com sede na Rua Dr. Costa Júnior, n° 356, São Paulo, SP,

CEP 05.002-000, representado por sua Coordenadora Executiva Lisa Gunn, vem,

por meio desta, questionar o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) sobre sua atuação a

fim de assegurar práticas responsáveis do ponto de vista social e ambiental das

empresas com as quais mantém relacionamento de concessão de licenças e

patrocínio.

Esse questionamento decorre do apoio oficial do Idec à campanha internacional

“Play Fair”, que denuncia a exploração de trabalhadores na produção de artigos

esportivos para grandes marcas fornecedoras de roupas e calçados às equipes

olímpicas em todo o mundo. Estão à frente da “

 

Play Fair

” a Confederação Sindical

Internacional (CSI), a Campanha Roupa Limpa (CCC), presente em 11 países

europeus, e a Federação Internacional de Trabalhadores da Indústria Têxtil,

Vestuário e de Couro (FITTVC), com afiliados em 110 países.

A “Play Fair” pede ao Comitê Olímpico Internacional (COI) e aos Comitês Olímpicos

Nacionais que, naquilo que lhes compete, assumam sua responsabilidade para

coibir a exploração e os abusos contra os direitos humanos, nas fábricas que

prestam serviços à indústria de artigos esportivos.

Um dos mecanismos para tal é que os comitês, como condição contratual, exijam

que as empresas para as quais concedem licenças, têm relação de patrocínio ou

acordos comerciais, garantam o cumprimento das normas trabalhistas

internacionais, como o pagamento de um salário digno, incentivo à liberdade sindical

e trabalho digno em toda cadeia de fornecimento.

Assim, o Idec quer saber:

 

 

O COB vai adotar as medidas propostas pela campanha “Play Fair” para

coibir a exploração trabalhista e desrespeito aos direitos humanos?

 

O Comitê sabe se as empresas patrocinadoras ou licenciadas rastreiam

sua produção, garantem os direitos dos trabalhadores e mantêm práticas

sócio-responsáveis com relação ao consumidor e ao meio-ambiente?

 

 

Considerando que o patrocínio esportivo leva à associação da marca aos

Categorias olimpismo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close